Empresas que investem em desenvolvimento e inovação e se destacam em tempo de crise econômica

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Até pouco tempo atrás, em cenários de baixa perspectiva de crescimento econômico, a estratégia emergencial dos líderes era a de minimizar os custos fixos da empresa, implicando assim no corte de investimentos em programas futuros de inovação e desenvolvimento. No Brasil, os últimos anos têm apresentado uma sequência de altos e baixos períodos de economia estagnada. Estas fortes oscilações abriram novos horizontes às lideranças para que performem nestes momentos com mais criatividade, ao invés de apenas cautela máxima.

O novo comportamento é o reflexo da reciclagem de velhos hábitos empresariais e da ascensão de novos visionários que enxergam períodos de retração financeira como uma oportunidade de desenvolvimento. E o planejamento para isso começa antes mesmo da crise bater mais forte. Muitas organizações já adotam hábitos de reservarem alguma porcentagem de seus faturamentos para programas de pesquisa e desenvolvimento. Outras, para ampliarem seus mix de produtos. E outras, para desenvolvimento pessoal. Muitos dos diferenciais que contribuem para driblar a crise vêm de inovações que começaram há um bom tempo. Pode-se dizer, portanto, que a inovação é um projeto de longo prazo que blinda as empresas em tempos de economia desfavorável. No Brasil, este movimento vem se tornando padrão pelos esforços de empresas atentas que acreditam no aporte do setor produtivo na área do desenvolvimento. Como exemplo de organização que nunca para de se desenvolver, citamos a SLC Agrícola. Déa Machado, Gerente de Gestão de Pessoas e Comunicação, acredita no poder transformador das pessoas para o desenvolvimento da organização e ressalta:

“Na SLC Agricola acreditamos no potencial dos indivíduos e no valor das pessoas, pois sabemos que não conseguimos obter performance e melhores resultados sem um ótimo time e que o trabalho em equipe faz toda a diferença. Desta forma, investimos fortemente desde o processo seletivo, o qual realizamos buscando profissionais que se identifiquem com nossos valores organizacionais, até o desenvolvimento e capacitação destes, que tem como objetivo alavancar performance por meio do aperfeiçoamento de competências. Assim, por meio da nossa Academia de Líderes e programas de identificação de potenciais e sucessores, conseguimos manter uma elevada qualidade dos times.

Déa ainda contribui sobre a aposta da SLC na satisfação dos membros da empresas no ambiente de trabalho e conta:

“Também trabalhamos o clima organizacional, pois entendemos que nossos colaboradores merecem estar em uma empresa que os reconheçam como parceiros na jornada de trabalho e ofereça, além de ótimos benefícios, um local ótimo para se trabalhar. Assim, temos um forte programa de engajamento com diferentes ações ao longo do ano que promovem um elevado nível no ambiente organizacional. Entendemos que estas ações e práticas são uma constante e que fazem a diferença na gestão de pessoas, independente de problemas econômicos, pois somos socialmente e economicamente responsáveis, acrescido a esta questão nossa crença é de que impactamos gerações futuras, queremos se reconhecidos no agronegócio e temos consciência de nossa atuação perante o planeta.”  

Sim, toda crise econômica gera instabilidades, mas é preciso olhar para os avanços com lentes de otimismo. No Brasil, não há um consenso entre economistas e empresários sobre quando os tempos de crise se estabilizarão. A única certeza é que a retomada do crescimento será capitaneada pelas empresas que preferem não contar com a sorte e que tenham suas lideranças preparadas para agir em eventos imprevisíveis. Crises econômicas vêm e vão e é essencial que as empresas entendam a turbulência como algo normal no mercado. É certo que a crise vai acontecer um dia, por isso a empresa deve ter uma gestão proativa, não reativa ao cenário.

E já que estamos falando em comportamentos inovadores de líderes empresariais, este ano nossa agenda do segundo semestre está com novas turmas nos programas abertos, além das soluções personalizadas On Demand.


Confira: https://www.cenex.com.br/agenda/

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Deixe aqui seu comentário.

Inteligência emocional em tempos de crise – Live Unicred VTRPP
Segurança Psicológica
Aprendizagem Transformadora
Gestão remota de equipes
Liderança na crise: desafios e ações
Worklife Integration
Mindset Produtivo – Podcast Flavio Nerva
by CENEX Centro de Excelência Emp

Nesse episódio Flávio Nera dialoga sobre o que realmente é produtividade e nos introduz as 5 dimensões de um Mindset Produtivo, baseado na Tríade do Tempo um conceito criado por Christian Barbosa. 

Quer nos fazer uma sugestão de tema para nosso próximo podcast ou seu comentário? Basta enviar um e-mail para [email protected]

Mindset Produtivo – Podcast Flavio Nerva
A centralidade do trabalho em tempos de pandemia – Diego Alberton
A arte de fazer perguntas
Conversas de Aprendizagem – Uma nova prática para o mundo atual
Gestão de Equipes em Tempos de Crise
Segurança Psicológica, o que é? Como se encontra?
Cultura Organizacional, o que ela envolve? Como o público reage a ela?
Certo ou Errado? Como decidir frente a dilemas
Inteligência Emocional com Alessandra Gonzaga
Liderança no Varejo – com Alexandre Peixoto e Paulo Amorim